Quais são os principais riscos de ser um atleta de fim de semana? Entenda!

A rotina agitada tem impedido você de treinar? Muita gente nessa situação opta por ser um atleta de fim de semana, termo utilizado para aquelas pessoas que aproveitam para fazer exercícios apenas no sábado ou no domingo.

Entre as opções mais comuns estão uma corrida no parque, uma pedalada pela cidade ou uma partida de futebol com os amigos. Se exercitar é realmente muito importante para a saúde, no entanto, o hábito de treinar apenas no fim de semana pode ser perigoso. Quer descobrir por quê? Continue a leitura!

[]
1 Step 1
Que tal receber ofertas e matérias com prioridade?
Seu Nome
Previous
Next

Quais os riscos de ser atleta de fim de semana?

Na sequência, elencamos os principais problemas associados a praticar exercícios físicos somente um ou dois dias na semana.

Adaptação do corpo

À medida que uma pessoa pratica exercícios físicos, o corpo se acostuma com o ritmo, o que é fundamental para aumentar a intensidade dos treinos e obter resultados cada vez melhores em desempenho, estética, hipertrofia e saúde.

Para que essa adaptação do corpo aconteça, é preciso manter uma rotina de treinos, que precisam ser feitos com certa frequência para desenvolver a musculatura. No caso do atleta de fim de semana, essa rotina não acontece e a adaptação aos exercícios também não. Assim, lesões podem se desenvolver.

Dores e lesões musculares

Como visto no tópico anterior, as lesões são a consequência de treinar sem que a musculatura esteja preparada para isso. Dessa forma, podem ocorrer estiramentos, distensões musculares, contraturas e, em casos mais severos, até mesmo rompimentos de tendão ou fraturas.

Junto com as lesões surgem as dores, muitas vezes incapacitantes, prejudicando as tarefas do dia a dia. Nesse momento, os sintomas atingem outros setores da sua vida, principalmente a profissional, o que mostra como os machucados podem ser prejudiciais.

Perigos para o coração

Durante a prática de exercícios físicos, o funcionamento do coração é colocado à prova: os batimentos e a pressão sanguínea aumentam para abastecer todos os músculos com oxigênio. Por isso, é muito importante começar os exercícios com calma e aumentar o nível de forma gradual.

Com o tempo, o condicionamento cardiovascular melhora e você consegue fazer treinos cada vez mais intensos. O problema de treinar apenas no final de semana é que o condicionamento físico permanece estagnado, o que pode causar uma sobrecarga cardíaca e até mesmo a morte súbita do atleta.

Essa situação acontece principalmente com indivíduos que têm doenças desconhecidas. Outros problemas causados pelo esforço cardíaco são mal-estar, taquicardia, tonturas e desmaios.

Como amenizar os riscos?

Para se proteger dos problemas de ser um atleta de fim de semana e se beneficiar com a prática de exercícios físicos, antes de tudo, é preciso passar por um check-up médico para verificar como está a sua saúde — e repeti-los a cada ano.

Comprovado que você está apto para os esforços, é preciso tomar alguns cuidados. Antes de começar a prática, faça um aquecimento para preparar o seu corpo. Durante o exercício, utilize sua percepção para dosar a intensidade adequada do treino — se você estiver muito ofegante, é melhor dar uma pausa para se recuperar.

Usar relógios com medidor de batimentos cardíacos é uma das estratégias mais modernas para controlar o ritmo e evitar problemas. Respeite seus limites: isso é fundamental para proteger a sua saúde.

Está pensando em encarar e virar um atleta de fim de semana? Tome todos os cuidados para evitar os riscos e aproveitar apenas os benefícios da prática dos exercícios físicos.

Gostou das dicas? Siga nossa página no Facebook para ficar por dentro de mais conteúdo sobre saúde e bem-estar. Até mais!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.