Entenda agora as diferenças entre produtos diet e light

Se você optou por ter uma dieta mais saudável, certamente está mais atento aos rótulos dos alimentos nos supermercados. Então, provavelmente também já se perguntou qual é a diferença entre diet e light, certo? Afinal, as prateleiras estão lotadas de embalagens com esses termos e é bastante comum que causem confusão.

Conhecer a distinção entre eles é fundamental para fazer a escolha correta para as suas necessidades e para que você realmente consiga conquistar os resultados que deseja. Sabendo disso, elaboramos este post. Acompanhe e descubra qual é a melhor opção para você!

O que é um produto diet?

Para ser considerado diet, um alimento deve ser totalmente isento de determinado ingrediente, como açúcar, gordura lactose ou outro. Sendo assim, são recomendados para quem tem algum problema de saúde ou necessidades específicas. Alguns rótulos podem apresentar outros termos, como “não contém”, “livre de”, “zero” ou “sem”.

Por exemplo, os produtos dietéticos sem açúcar são indicados para diabéticos; os sem sal, para hipertensos; por sua vez, os sem gordura trans, para quem está com níveis altos de colesterol ou triglicérides. Para saber qual ingrediente foi retirado da formulação, é preciso ler o rótulo.

Desse modo, nem todo alimento diet é aconselhado para quem deseja emagrecer, pois alguns podem até mesmo ser mais calóricos. É o caso do chocolate, que, apesar de não ter açúcar, tem maior teor de gorduras, o que o torna uma opção ruim para quem está preocupado em reduzir medidas.

E um produto light?

Um alimento light (“leve”, em inglês) se refere à redução de, no mínimo, 25% de um dos ingredientes ou das calorias em comparação ao produto tradicional. As embalagens também podem conter termos como “baixo teor” ou “reduzido”.

Pode ser uma quantidade menor de gordura, de açúcar, de sódio ou de todos eles, por exemplo. Da mesma forma que ocorre com os alimentos diet, é preciso consultar a embalagem para saber qual ingrediente foi reduzido.

Os alimentos light são indicados para quem deseja ingerir menos calorias. Assim, uma geleia light, que apresenta menos açúcar em sua formulação, ainda não é recomendada para quem tem diabetes.

Qual devo consumir: diet ou light?

Em resumo, os produtos diet são totalmente livres de algum ingrediente, enquanto os light apresentam menor quantidade.

A escolha entre diet e light deve se basear nas suas necessidades. Se você tem alguma restrição alimentar, deve procurar por alimentos diet que não apresentem determinado componente na formulação.

Por sua vez, se o seu objetivo é emagrecer, o ideal é optar pelos alimentos light, pois são menos calóricos. Além disso, observe qual elemento foi reduzido e analise se tal redução é interessante para a sua dieta.

Agora que você entendeu a diferença entre diet e light, também sabe que é essencial ficar atento ao rótulo dos produtos. Sempre compare a versão diet ou light do produto à versão convencional, analisando se a escolha é benéfica para os resultados que você deseja obter por meio da alimentação.

Quer saber mais sobre saúde, bem-estar e qualidade de vida? Então, assine a newsletter e receba conteúdos exclusivos para você!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.