Pé ressecado: 5 dicas para mantê-lo sempre hidratado

Os pés são partes sensíveis do nosso corpo e, muitas vezes, não cuidamos deles como deveríamos. Assim, quando menos esperamos, estamos com o pé ressecado, áspero e até com fissuras e rachaduras — características que podem trazer complicações à saúde.

Existem muitos motivos pelos quais os pés podem ficar ressecados, como andar muito descalço, usar sapatos abertos com muita frequência ou problemas vasculares. Se o distúrbio persistir por muitas semanas, é importante consultar um dermatologista para avaliar as possíveis causas das suas rachaduras.

Continue a leitura e conheça algumas maneiras eficazes de evitar o pé ressecado e entenda como manter essa parte do corpo sempre hidratada!

1. Usar creme hidratante

Após o banho, é essencial secar muito bem os pés e passar um pouco de creme hidratante. O produto fecha os poros e evita que o pé resseque. Quanto mais espesso for o creme, maior será o seu poder de hidratação.

Já existem no mercado produtos com fórmula rica em ingredientes nutritivos, como óleos e manteigas. Com o uso diário, o resultado é uma pele macia e aveludada.

2. Dormir com meias de algodão

Outra boa dica é aplicar o creme hidratante antes de dormir e cobrir os pés com meias de algodão ou filme plástico. Isso eleva a temperatura do local e faz com que a pele absorva os componentes de forma efetiva.

O uso da meia também é importante para que você não escorregue ao caminhar — caso precise levantar durante a noite, por exemplo. Além disso, o produto fica mais tempo em contato com a pele dos pés.

[]
1 Step 1
Que tal receber ofertas e matérias com prioridade?
Seu Nome
Previous
Next

3. Fazer esfoliação

Esfoliar os pés ajuda para que a hidratação seja mais efetiva, resultando em uma pele mais macia. É importante que a esfoliação seja feita conforme a necessidade (em geral, a cada 15 dias é o suficiente) e não muito vigorosa.

O processo remove as células mortas e promove a renovação celular. O motivo para evitar a esfoliação intensa é que a pele interpreta o ato como uma agressão e reage se espessando. Uma dica é usar produtos pouco abrasivos e fazer movimentos suaves.

4. Não andar descalço

Andar descalço faz com que as solas dos pés (especialmente a região dos calcanhares) fiquem mais espessas devido ao atrito constante com a derme. Assim, o corpo interpreta que precisa se proteger da compressão direta e deixa a pele ainda mais áspera e ressecada.

Sapatos abertos também deixam os pés propensos à poeira e à poluição. Esses fatores podem entupir os poros e ressecar ainda mais a área. Por isso, sempre que possível, opte por calçados fechados.

5. Passar produtos específicos

Cremes com ureia ajudam a evitar peles descamadas. No entanto, quando o pé apresenta fissuras, é recomendado evitar esse tipo de produto dentro das lesões para não sentir ardência. O ideal, nesses casos, é aplicar um creme cicatrizante ou reparador para o fechamento dos machucados.

Cuidar diariamente do pé ressecado é importante para evitar infecções e problemas ainda maiores de saúde. Por isso, busque por produtos específicos em farmácias bem-conceituadas no mercado. Isso evita que você gaste com medidas paliativas e invista em itens realmente úteis.

Quer adquirir produtos como manteigas hidratantes e cremes para auxiliar no tratamento de pés ressecados? Então entre em contato conosco e conheça nossas opções!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.