Suas crianças estão com a imunidade baixa? Saiba o que fazer!

Quando se trata de saúde infantil, a imunidade baixa em crianças é um assunto que preocupa muitos pais. Afinal, o sistema imunológico desempenha um papel importante na proteção contra infecções e doenças.

Como esse é um problema relativamente comum na vida dos pequenos, resta aos adultos a tarefa de conhecer a relevância da atuação preventiva, assim como a forma de colocar tais medidas em prática.

Quer saber como garantir um crescimento saudável para as crianças? Basta continuar a leitura e conferir nossas dicas!

Imunidade alta x imunidade baixa

Você já reparou que algumas crianças sofrem com gripes e resfriados com bastante frequência? Pois isso é resultado de um sistema imunológico enfraquecido, gerando maior exposição a vírus e bactérias e fragilizando o organismo.

Por outro lado, quem apresenta alta imunidade não fica doente tantas vezes. Explica-se: o corpo conta com as defesas necessárias para proteção e combate contra agentes nocivos. Entretanto, essas crianças não são maioria.

A verdade é que boa parte dos pequenos tem imunidade baixa, e existe um motivo para tal característica. Felizmente, a partir desse conhecimento é possível adotar hábitos que ajudam a fortalecer o sistema imunológico e, por consequência, diminuir as chances de complicações futuras.

Sistema imunológico infantil

Formado por células que buscam manter o corpo saudável, o sistema imunológico das crianças amadurece ao longo dos anos. É por isso que ele costuma ser imaturo no começo da vida, explicando o número elevado de doenças.

Quando um bebê nasce, sua imunidade é inespecífica. Assim, possui apenas os anticorpos recebidos da mãe além dos oriundos da amamentação. A formação da imunidade infantil, portanto, se desenvolve conforme a criança cresce e interage com o ambiente. Ou seja, o organismo aprende a lidar com o que é apresentado.

Vale ressaltar a importância de deixar os pequenos explorarem as coisas ao redor, especialmente quando saem do período de aleitamento exclusivo. É neste momento que se inicia a construção da imunidade específica.

Medidas para fortalecer a imunidade das crianças

[]
1 Step 1
Que tal receber ofertas e matérias com prioridade?
Seu Nome
Previous
Next

Alimentação

O ideal consiste em uma dieta baseada em frutas, verduras e legumes, a fim de suprir as necessidades de vitaminas, nutrientes e sais minerais do organismo. Para além disso, evitar produtos industrializados é fundamental.

Sol

Desde que em horários adequados, cinco a dez minutos de exposição ao sol por dia ajudam na ativação de vitamina D. É importante, também, o uso do protetor solar para crianças a partir dos seis meses.

Higiene

Aqui o segredo está no equilíbrio. Afinal, tanto o excesso quanto a falta de higiene podem ser problemas. O ideal é prezar pelos cuidados básicos, como lavar as mãos antes das refeições e após ir ao banheiro, usar roupas limpas, escovar os dentes etc.

Atividade física

Não importa a atividade escolhida: o hábito de praticar exercícios aumenta a quantidade de células exterminadoras naturais presentes no organismo, auxiliando no combate a infecções virais.

Infelizmente nem sempre é possível colocar todas essas dicas em prática com a correria do dia a dia. No entanto, isso não significa que os pais devem deixar de lado a preocupação com a imunidade baixa em crianças.

A suplementação, por exemplo, é um jeito prático de garantir a ingestão adequada de nutrientes e o fortalecimento da imunidade. Que tal experimentar?

Gostou do texto e ficou interessado pelo assunto? Então aproveite que está por aqui e conheça o Polivitamínico ImuneKids!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.