Vitaminas para ganhar massa muscular: quais são e como usá-las?

As vitaminas cumprem um papel vital no processo de ganho de massa muscular. Afinal, elas são responsáveis pela estimulação das enzimas que realizam as reações químicas adequadas para o perfeito funcionamento do organismo. Dessa forma, a falta de vitaminas representa um grande problema, prejudicando a eficiência dos treinos.

alimentação correta consiste na principal fonte de ingestão de vitaminas, mas o ideal é que se faça algum tipo de suplementação vitamínica para tirar outras vantagens dessas substâncias no corpo humano. Consumi-las em cápsulas, além de mais prático, entrega resultados melhores, visto que ali está a concentração correta do nutriente.

Levando tudo isso em consideração, ao longo do artigo, nós trazemos as principais alternativas de vitamina para ficar forte, onde é possível encontrá-las e quais seus grandes benefícios. Não deixe de acompanhar e faça uma boa leitura!

Afinal, o que são vitaminas?

Antes de mais nada, vale explicar esse conceito. Vitaminas consistem, basicamente, em compostos orgânicos que não passam pelo processo de sintetização do organismo. Por isso, são incorporadas via alimentação, já que a quantidade digerida de maneira natural não é suficiente para uma pessoa.

Diversos processos bioquímicos do corpo humano exigem a participação das vitaminas, sobretudo quando essas substâncias atuam catalisando reações químicas importantes para o bom funcionamento do sistema.

Quando alguém sofre da carência parcial de vitaminas, é diagnosticada com hipovitaminose, enquanto hipervitaminose foi o nome dado ao problema do excesso dos níveis vitamínicos no corpo. Em casos mais raros, pode haver a avitaminose, ou seja, a ausência total desse nutrientes.

Existem dois grupos de vitaminas, sempre de acordo com a substância em que elas se dissolvem:

  • lipossolúveis: vitaminas solúveis em gordura e que, por isso, podem ser armazenadas no organismo (A, D, E, K);
  • hidrossolúveis: não armazenadas pelo corpo, passam pelo processo de absorção e excreção de maneira bem rápida. Assim, raramente causam a hipervitaminose (B, C).

Para que servem as vitaminas?

Uma pessoa com os níveis dos diferentes compostos vitamínicos em dia consegue tirar proveito de muitos benefícios. Necessidades do dia a dia e objetivos específicos desenvolvidos por nós dependem diretamente do trabalho dessas enzimas, desde a perda de peso até o aumento da massa muscular.

Conforme enfatizamos no começo do post, as vitaminas podem ser definidas como agentes vitais de combustível para o nosso corpo. Listamos as principais e mais destacáveis vantagens delas logo abaixo:

  • manutenção da saúde ocular;
  • manutenção da imunidade;
  • aceleração do metabolismo ósseo, prevenindo doenças desse tipo;
  • combate ao câncer e às doenças do coração;
  • retardo do envelhecimento;
  • aumento da integridade das paredes capilares;
  • fortalecimento dos dentes;
  • otimização da absorção de ferro;
  • ganho de resistência contra ações inflamatórias;
  • melhora na coagulação sanguínea;
  • combate à depressão;
  • preservação das funções cerebrais;
  • redução de triglicerídeos e colesterol;
  • embelezamento da pele.

Quais são as principais vitaminas para ganhar massa muscular?

Apesar das semelhanças que unem todos os tipos de vitamina para ficar forte, alguns compostos são especialmente diferenciados quando o assunto é ganho de massa muscular. Veja na sequência.

Vitamina A

Também conhecida por retinol, a vitamina A é essencial para a construção do tecido muscular, pois ajuda na quebra de proteínas em aminoácidos. Além disso, desempenha função extremamente importante no armazenamento de glicogênio, que é uma das formas de energia utilizadas pelo corpo.

Portanto, ela é indispensável para a disposição e o ganho muscular. São ótimas fontes de vitamina A: cenoura, mamão, pêssego, manga, abacate, melão, tomate, couve, brócolis, gema de ovo, leite e fígado, por exemplo.

Vitaminas do complexo B

complexo B é composto por oito vitaminas que são facilmente dissolvidas em água e transportadas para todo o corpo através da corrente sanguínea. Confira a seguir como a substância desse complexo figura como excelente vitamina para ficar forte.

Vitamina B1 — Tiamina

É responsável por metabolizar proteínas, gorduras e carboidratos, convertendo esses últimos em combustível para os treinos. Além disso, a tiamina contribui para a tenacidade dos músculos, sem falar na contribuição para a produção de hemoglobina, molécula que atua no transporte de oxigênio pelo corpo.

A Tiamina pode ser encontrada em nozes, amendoim, arroz, beterraba, gema de ovo, carne, peixe etc.

Vitamina B2 — Riboflavina

Tem ação antioxidante e ajuda na queima de gordura e na produção de adrenalina e energia, otimizando o aproveitamento dos carboidratos no organismo. São fontes de riboflavina: ovos, leite, repolho, vegetais, queijo e carne.

Vitamina B3 — Niacina

Converte gorduras e carboidratos em energia para a prática de atividades físicas. Por apresentar ação vasodilatadora, proporciona melhor transporte de nutrientes aos tecidos musculares. Os seguintes alimentos são ricos em niacina: batata-doce, peixe, leite, ovos, fígado, tomate e frutas frescas.

As outras vitaminas do complexo também têm muita importância no desempenho de exercícios. Aliás, a B6 e a B12 cumprem papel primordial na hipertrofia, acelerando o metabolismo e qualificando a comunicação entre cérebro e músculos, o que tem impacto direto nos resultados de ganho de massa.

Vitamina C

vitamina C é ideal para a recuperação e o crescimento muscular, além de acelerar a hipertrofia e evitar lesões. Ela ainda evita danos às células pelo caráter antioxidante e preserva o bem-estar das articulações por conta dos níveis de colágeno.

Portanto, consuma os seguintes alimentos: mamão, pimentão, morango, brócolis e frutas cítricas (tangerina, limão e laranja).

Vitamina D

Sobretudo a D3, considerada um esteroide natural, aumenta a resistência e a força muscular, pois ajuda a desenvolver ossos fortes, prevenindo também contra a osteoporose, como já conferimos nos benefícios das vitaminas listados anteriormente.

De quebra, pode reduzir a pressão arterial alta e qualificar o processo de absorção de cálcio. Está presente em alimentos como o salmão, o atum e a gema de ovo.

Vitamina E

Recupera e atua bastante a favor do crescimento das células do tecido muscular, cumprindo função antioxidante no combate aos chamados radicais livres.

A vitamina E é fundamental para que o corpo aproveite melhor a vitamina A e o ferro, estimulando a liberação de resíduos metabólicos. São boas fontes o abacate, a cenoura, os peixes e o óleo de girassol e de canola.

Enfim, conforme observamos, existem várias opções de vitamina para ficar forte e aumentar a massa muscular, por isso é tão difícil consumir todas somente por meio da alimentação. Nesse cenário, a suplementação costuma ser bastante recomendada, facilitando a obtenção dos benefícios e garantindo os resultados que você sempre desejou.

Se você gostou deste artigo e quer conhecer os produtos da OficialFarma, entre em contato conosco. Saiba como podemos ajudá-lo a encontrar a melhor vitamina de acordo com sua necessidade!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.